Melo e Dodig garantem vaga na semifinal

Em uma partida de alto nível, decidida nos detalhes e em dois tie-breaks emocionantes, o brasileiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig derrotaram nesta terça-feira os espanhóis Marcel Granollers e Marc Lopez por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7-5) e 7/6 (14-12), após 1h55 de jogo. A vitória garante, pelo segundo ano consecutivo, a parceria do mineiro na semifinal do ATP Finals, torneio disputado em Londres e que reúne as oito melhores duplas da atualidade.

Melo teve o saque pressionado logo no terceiro game, mas se saiu bem. No game seguinte, a dupla do mineiro forçou nas devoluções e conseguiu uma quebra em cima de Lopez. Os rivais deram o troco no sétimo game, no serviço do brasileiro. Com as forças equilibradas, a parcial foi levada para o tie-break. Granollers e Lopez garantiram um minibreak logo no começo e chegaram a abrir 5 a 2. Melo e Dodig reagiram vencendo os cinco pontos seguintes, fechando em 7-5.

No segundo set, os papéis se inverteram. Dodig cedeu o serviço no sexto game, mas no seguinte devolveu a quebra no saque de Lopez. Outro tie-break foi disputado, com pontos emocionantes e erros dos dois lados, dando um drama a mais na partida. No fim, o brasileiro e o croata finalizaram em 14-12.

“O importante desta vitória foi seguir o mesmo ritmo do primeiro ao último ponto. O Ivan estava jogando muito bem, eu estava com dificuldades de encontrar o jogo, mas a dupla é assim, um ajudando ao outro. Eu melhorei no segundo set e isso ajudou o Ivan a continuar forte”, destaca Melo.

O brasileiro também comentou os dois tie-breaks disputados. “Independente do resultado do ponto anterior nos mantivemos focados. Eles (espanhóis) tiveram match point, nós também. Então, foi muito bom para a gente vencer esses pontos, o que mostrou que estávamos atentos, querendo ganhar”.

Com o resultado obtido sobre a sexta melhor dupla do ranking, Melo e Dodig assumem a liderança do Grupo B, com duas vitórias e nenhum set cedido na competição.

Na quinta-feira, o brasileiro e croata retornam à quadra para sacramentar o primeiro lugar da chave. Eles enfrentam os franceses Edouard Roger-Vasselin e Julien Benneteau. “É muito legal estar novamente na semifinal e poder representar o Brasil. No ano passado perdemos jogando bem. Então, espero jogar ainda melhor para tentar avançar à final, mas ainda temos o jogo de quinta. Não é porque estamos classificados que vamos deixar de jogar focados. Estamos mais tranquilos, isso é verdade, mas vamos entrar em quadra com todas as nossas forças”, complementa o brasileiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s