Algozes de Bruno e Peya vencem e avançam à semi

Responsáveis pela eliminação de Bruno Soares e Alexander Peya do torneio, o argentino Diego Schwartzman e o italiano Paolo Lorenzi venceram mais uma no Brasil Open. Em partida contra o espanhol Pablo Andujar e o austríaco especialista em duplas Oliver Marach, Schwartzman e Lorenzi venceram em sets diretos, com parciais de 6/1 e 7/6.

A partida foi diferente do esperado. Schwartzman, que sacou mal na partida contra Bruno Soares e Alexander Peya, teve um bom dia de serviço, além de Marach, que fez uma excelente estreia, estar abaixo do seu rendimento. Andujar, como na partida anterior, também apresentou muitos erros, fazendo com que Schwartzman e Lorenzi tivessem vida fácil, principalmente no primeiro set.

O confronto contou com muitos pontos polêmicos. Além de um toque na fita não cantado pelo árbitro no primeiro set, o quinto game do segundo apresentou problemas. Schwartzman passou para o outro lado da quadra uma bola que aparentemente tocou duas vezes no chão. O árbitro da partida deu o ponto para Andujar/Marach, que sacavam em 40-30, fechando o game. Porém, após muita discussão, o ponto foi jogado novamente.

Na próxima rodada, Schwartzman e Lorenzi enfrentam os vencedores do confronto dos tchecos Frantisek Cermak e Jiri Vesely contra os brasileiros André Sá e João Souza, o Feijão, partida que acontece por volta das 20h na quadra 1.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s