Murray/Peers perdem no quali, entram por desistência e são vice-campeões em Roterdã

Jamie Murray e John Peers fizeram uma campanha um tanto quanto inusitada em Roterdã, na Holanda. O britânico e o australiano disputaram o qualificatório para entrar na chave do torneio, que contou com a maioria das melhores duplas da atualidade. Porém, na última rodada, Murray e Peers foram derrotados pelos britânicos Jonathan Marray e Colin Fleming, não se classificando para a chave principal.

Pouco antes do início da rodada, Gilles Muller e Andy Murray, irmão de Jamie, desistiram do torneio pelo tenista luxemburguês não estar se sentindo bem. Assim, Murray e Peers entraram como alternates e tiveram a oportunidade de disputar a chave principal. A dupla, então, aproveitou a oportunidade e também contou com um pouco sorte para chegar na final. No caminho até a disputa do título, Murray e Peers contaram com desistência dos cabeças de chave 1 Benneteau e Roger-Vasselin para avançar à semifinal.

Porém, na final, a história foi diferentes. O time formado pelo holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau conseguiram triunfar em dois sets a um, conquistando o título. Rojer e Tecau foram vice-campeões no último ano, perdendo o título para os franceses Michael Llodras e Nicolas Mahut.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s