Dança das Cadeiras 2016

Como na Dança dos Famosos, o ano muda e as duplas também. Em 2016 teremos novos times no circuito, alguns surpreendentes e outros esperados pelo ano olímpico. Confiram 10 novos pares para o ano que vem aí com montagens de alta qualidade e super profissionais. Solta a salsa, maestro!

Rafael Nadal e Fernando Verdasco
Os espanhois disputarão torneios juntos com um único objetivo em mente: Jogos Olímpicos.
nadalverdasco

Jamie Murray e Bruno Soares
Enquanto Murray teve o melhor ano de sua carreira ao lado de John Peers, Bruno encerrou a parceria com Peya após uma temporada instável. O britânico e o mineiro apostarão as fichas em 2016.
Untitled 15

John Peers e Henri Kontinen
Os tenistas vêm em momentos iguais com parcerias diferentes. Enquanto John Peers teve um 2015 fixo ao lado de Jamie Murray, com quem fez duas finais de Grand Slam, Henri Kontinen, que também teve um bom ano e foi campeão em cinco torneios, viu seu parceiro Marin Draganja se ausentar do circuito após cirurgia no quadril.
Untitled 42

Daniel Nestor e Radek Stepanek
O futuro da dupla é incerto, uma vez que o ranking de Stepanek não é o suficiente para a entrada da dupla em outros torneios. Enquanto isso, Nestor e Stepanek planejam disputar Brisbane e o Australian Open.
Untitled 12

Alexander Peya e Philipp Petzschner
O austríaco ex-parceiro de Bruno Soares escolheu Petzschner para dividir a quadra em 2016. O alemão, campeão de Grand Slam por duas vezes, vem de uma sequência de lesões e quer aproveitar o máximo a oportunidade para voltar ao topo. Peya e Petzschner se conhecem há muito tempo e já disputaram torneios juntos, aumentando a expectativa em cima da dupla.
Untitled 18

Lukasz Kubot e Marcin Matkowski
Os poloneses, que jogarão juntos nos Jogos Olímpicos, disputarão a temporada lado a lado também. A ideia da parceria surgiu após os excelentes resultados na Copa Davis deste ano, no qual venceram as três partidas que disputaram juntos.
Untitled 23

Gilles Muller e Nenad Zimonjic
Após o fim da parceria com Matkowski, Zimonjic inovará mais uma vez apostando no luxemburguês Gilles Muller, que desde este ano decidiu dedicar um maior tempo às duplas.
Untitled 26

Pablo Cuevas e Marcel Granollers
Ambos tiveram suas parcerias consolidadas encerradas neste ano pelo baixo desempenho. Cuevas jogou com Marrero por dois anos, enquanto Granollers formava dupla com Marc Lopez há quatro anos.
Untitled 33

Guillermo Garcia-Lopez e David Marrero
Os espanhois testaram a parceria em Valência e Paris e, mesmo vencendo apenas uma partida, gostaram do ritmo que impuseram em quadra. A dupla também briga por vaga olímpica.
Untitled 36

Jonathan Marray e Aisam-ul-Haq Qureshi
O britânico campeão de Wimbledon em 2012, que disputou boa parte dos torneios deste ano com o compatriota Colin Fleming, quer repetir a boa campanha de Newport em 2016. Qureshi e Marray foram campeões no ATP 250 americano após quase seis anos sem disputar um torneio juntos.
Untitled 39

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s