Duplas de Melo e Soares estreiam com vitória em Miami

O Brasil estreou bem no Masters 1000 de Miami. Na tarde deste sábado, Bruno Soares e Jamie Murray entraram primeiro em quadra, derrotando a dupla formada pelo filipino Treat Huey e o bielorrusso Max Mirnyi em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/3.

Bruno+Soares+2017+Miami+Open+Day+6+T9mZxodJBWJx

Foto: Julian Finney/Getty Images North America 

A partida teve ambos os times tendo chances de quebras nos dois sets. No primeiro, Bruno e Murray conseguiram a liderança no quinto break point, sendo o suficiente para fechar o set. A segunda parcial contou com mais drama, apesar do brasileiro e britânico abrirem duas quebras na frente. A dupla precisou sacar para o jogo por duas vezes, já que Huey e Mirnyi conseguiram devolver uma das vantagens, mas Soares e Murray mantiveram-se firmes na partida e selaram a vitória. “Foi um grande jogo hoje aqui em Miami. Conseguimos manter o ritmo de Indian Wells e jogamos super bem”, declarou Bruno.

Sendo o Masters 1000 com mais identidade com o Brasil, Soares comemorou a proximidade com o público e quer entregar o máximo:”Miami é sempre um torneio especial. O público comparece, torce, enche a quadra e motiva a gente. Agora é continuar com tudo e contar com o pessoal torcendo e prestigiando a gente.” Na próxima rodada, o time enfrentará o italiano Paolo Lorenzi e o português João Sousa, partida que acontece neste domingo, às 12h, horário de Brasília.

Depois foi a vez de Marcelo Melo e Lukasz Kubot garantirem vaga nas oitavas de Miami. A dupla enfrentaria Tommy Haas e Lucas Pouille, mas uma lesão no abdômen do francês forçou a desistência do time. No lugar, o brasileiro Marcelo Demoliner e o neozelandês Marcus Daniell entraram de alternates e garantiram a disputa do primeiro Masters 1000 da carreira do gaúcho.

Foi duro, com Demoliner e Daniell dominando no início e ganhando a primeira parcial com duas quebras de vantagem. O gaúcho e o neozelandês ficaram firmes e chegaram a ter um match point no segundo set, mas Melo e Kubot salvaram e levaram para o tie-break, onde não perderam nenhum ponto e empataram a partida, deixando a decisão pro match tie-break. Lá, o brasileiro e o polonês continuaram a dominância do fim do set passado, abrindo 8-2 e segurando a dianteira até o fim, terminando com parciais de 2/6, 7/6 e 10-7.

Nas oitavas, o time terá outra pedreira pela frente, enfrentando a dupla formada pelo holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau, os campeões de Wimbledon em 2015. Caso os brasileiros vençam, os times voltarão a se enfrentar uma semana após o duelo de Indian Wells, dessa vez nas quartas. Na Califórnia, Melo e Kubot saíram vencedores, avançando pra final e sendo vice-campeões.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s