Melo e Soares vencem suas partidas e garantem um brasileiro na final de Cincinnati

Os times de Bruno Soares e Marcelo Melo venceram seus partidas e se classificaram para a semifinal do Masters 1000 de Cincinnati, onde se enfrentarão, garantindo um brasileiro na final do torneio. Soares e Jamie Murray derrotam Rojer/Tecau em sets diretos, com parciais de 7/6 e 6/4, enquanto Melo e Lukasz Kubot superaram Bopanna/Dodig no match tie-break em 6/1, 6/7 e 10-7.

soares-murray-cincinnati-2017-friday

Foto: Peter Staples/ATP World Tour

Bruno e Murray foram os primeiros em quadra, numa partida nervosa contra o holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau. O primeiro set viu sete dos 13 games disputados tendo break points jogados, com uma troca de quebras entre as equipes. A igualdade foi mantida e a parcial foi decidida no tie-break, onde Rojer e Tecau tiveram 6-3, mas Soares e Murray salvaram três set points, ganharam cinco pontos seguintes e levaram o set.

No segundo, a história foi diferente, com poucas chances de quebra. O brasileiro e o britânico conseguiram a vantagem no décimo game, confirmando a vitória no game seguinte. “Foi mais um jogão hoje em Cincinnati. Conseguimos jogar super bem e fizemos um primeiro set muito importante, salvando alguns break points e depois conseguimos a vitória em dois sets, que é sempre bom”, analisou o brasileiro.

Depois foi a vez de Melo e Lukasz Kubot, que derrotaram o indiano Rohan Bopanna e o croata Ivan Dodig, ex-parceiro do brasileiro. No primeiro set, o brasileiro e o polonês não deram chances para seus adversários, vencendo cinco games seguidos e fechando em 6/1. Já no segundo, o indiano e o croata deram mais trabalho, ficando firmes no saque e levando para o tie-break, onde venceram no segundo set point.

Com tudo igual, a decisão foi  para o match tie-break. Lá, uma troca de mini-breaks aconteceu, até Melo e Kubot abrirem 6-4, vantagem que foi segurada até o fim. “Foi mais um belo jogo que conseguimos fazer, uma bela vitória. Jogamos muito bem, do começo ao fim. O segundo set foi bem duro e eles acabaram levando no tie-break. Importante é que começamos dominando, como deveria e aí, depois, mantivemos o controle, especialmente no match tie-break, quando jogamos muito bem de novo”, afirmou Marcelo. O mineiro também ressaltou a dificuldade de enfrentar o ex-parceiro: “É difícil jogar contra o Ivan, que foi um grande parceiro durante cinco anos. Fizemos muitas coisas juntos, mas sabemos que cada um tem de buscar o seu melhor.”

As vitórias de Melo e Soares garantiram suas duplas na semifinal do torneio, onde se enfrentarão por uma vaga na final. “Já nos enfrentamos inúmeras vezes, todo mundo sabe. Importante manter o ritmo e entrar bem focado, em mais uma difícil partida para nós. Estamos bem felizes com a maneira como temos jogado”, completou Melo, preparado para o duelo contra o amigo. As duplas se enfrentaram por duas vezes nesta temporada, ambas com vitória da dupla do atual número 1 do mundo.

“Em termos táticos a gente se conhece muito bem, mas eles vem de um grande momento e são a melhor dupla da temporada, então temos que levar em conta o fator confiança. A gente também está em uma grande semana também, esperamos mais um jogo duro e teremos mais uma vez um brasileiro na final de um Masters 1000”, disse Soares, animado com a garantia de um brasileiro na decisão. A partida acontecerá neste sábado, às 14h, horário de Brasília.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s