Melo e Kubot vencem Dodig/Granollers e garantem o número 1

O Brasil terminará a temporada de 2017 no topo dos rankings de duplas. Marcelo Melo e Lukasz Kubot derrotaram a dupla formada pelo croata Ivan Dodig e o espanhol Marcel Granollers em sua estreia no ATP Finals, com parciais de 7/6 e 6/4, garantindo o posto de melhor dupla da temporada e o número 1 do mundo para o brasileiro no ranking individual.

Marcelo+Melo+Day+Two+Nitto+ATP+World+Tour+DcZ1-Sg47JKx

Foto: Julian Finney/Getty Images Europe

A partida foi apertada, assim como no encontro anterior das duplas, na final do Masters 1000 de Paris. Após um primeiro set de poucas oportunidades e nenhuma quebra, a decisão foi para o tie-break, onde Melo e Kubot fizeram um excelente início, abrindo 4-0 e segurando a liderança até o fechamento do set.

Na segunda parcial, a dupla do mineiro e do polonês chegou a abrir 3/1, mas seus adversários devolveram a diferença poucos games depois. Dodig, que sacava no 4/5, teve seu serviço ameaçado e uma bela devolução de Kubot concretizou a quebra e a vitória da dupla, que começa o Finals na liderança do Grupo Woodbridge/Woodforde.

A dupla precisava de apenas uma vitória para se garantir como a melhor dupla da temporada, além de Melo terminar o ano como número 1 do mundo, o que foi concretizado. “Realmente muito feliz em poder conquistar essa vitória e garantir o número 1 do mundo, tanto no individual quanto em times. Acho que não teria como ser melhor, fizemos de tudo no ano pra poder conquistar isso. Foi um ano muito especial, com a conquista de Wimbledon e agora o número 1 nos dois rankings. Hoje é um dos dias mais felizes da minha vida”, disse Melo após a conquista.

Bruno Soares e Jamie Murray também iniciaram sua campanha no Finals nesta segunda-feira. O mineiro e o britânico foram superados pelos irmãos Bob e Mike Bryan em dois sets a um, com parciais de 7/5, 6/7 e 10-8. “Foi um jogo duríssimo. Infelizmente deixamos escapar o primeiro set. A gente teve 5/4 e 40-15 sacando. Estávamos dominando o jogo e esse momento acabou custando a partida. No segundo set eles jogaram melhor e mesmo assim conseguimos reverter um 4/1 no placar, ganhamos no tie-break e no match tie-break foi nos detalhes. Agora é focar no que vem. Vamos ter mais duas chances para seguir firme em Londres”, resumiu o brasileiro, lamentando as chances perdidas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s