Melo e Kubot ficam com o vice em Viena

Foi por pouco na final de Viena. Neste domingo, num jogo marcado pelo equilíbrio, o mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot foram os vice-campeões do ATP 500 austríaco. A dupla, que disputava sua terceira final em Viena, foi superada pelo time do norte-americano Rajeev Ram e o britânico Joe Salisbury, cabeças de chave 4, em dois sets a um, com parciais de 6/4, 6/7 e 10-5.

Erste Bank Open 500

(Foto: e|motion/Bildagentur Zolles KG)

A partida foi decidida nos detalhes. O primeiro set contou com apenas uma chance de quebra para cada lado, com Ram e Salisbury convertendo a sua oportunidade no terceiro game e evitando que seus adversários devolvessem a vantagem no game seguinte, vencendo o set. Na segunda parcial, o equilíbrio seguiu sem nenhuma quebra, tendo o set decidido no tie-break. Lá, após uma troca de mini-breaks, Melo e Kubot conseguiram mais uma vantagem no sexto ponto, sendo o suficiente para levar o set e empatar a partida. Com tudo igual, a decisão foi para o match tie-break. Ram e Salisbury saíram na frente logo cedo, abrindo 3-0 e mais tarde 8-3. Apesar do mineiro e do polonês conseguirem salvar dois match points, não foi o suficiente para impedir a vitória de seus adversários, que fecharam a partida em 10-5.

“Hoje fizemos dois bons sets, o primeiro e o segundo. Eles quebraram o Lukasz logo no começo e depois conseguimos manter, tivemos algumas poucas chances. No segundo set jogamos muito bem o tie-break e aí, o match tie-break foi, infelizmente, decidido no começo. Mas, fizemos um belo torneio, jogamos muito bem. Acho que só temos coisas positivas, três finais seguidas. Muito bom. Agora é ir com tudo em Paris, nosso próximo desafio”, disse Marcelo, contente com os últimos resultados. A dupla foi vice-campeã em Pequim, Xangai e Viena, chegando em três finais nas últimas três semanas.

Esta foi a terceira final de Melo e Kubot em Viena, sendo campeões nas edições de 2015 e 2016. No total, foi a 23ª final da dupla, que já conquistou 13 títulos. Agora, Melo e Kubot seguem para a França, onde disputarão o Masters 1000 de Paris. Lá, estrearão contra o argentino Máximo Gonzalez e o norte-americano Austin Krajicek.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s