Após cinco meses sem jogar, Marcelo Melo e Bruno Soares retornaram às quadras nesta segunda-feira e se enfrentaram na estreia do Masters 1000 de Cincinnati, com a dupla de Melo levando a melhor. Ao lado de Lukasz Kubot, o mineiro superou o compatriota e Mate Pavic em uma partida longa e disputada partida, com 1h45 de duração e parciais de 7/6, 3/6 e 10-5.

Foto: (Peter Staples/ATP)

A partida começou favorável para Soares e Pavic, que saíram na frente após quebrarem seus adversários logo no quarto game, abrindo 3/1. Melo e Kubot, porém, reagiram logo no game seguinte, devolvendo a diferença e voltando ao jogo. O set seguiu parelho e foi decidido no tie-break, onde Marcelo e Kubot abriram vantagem cedo e levaram em 7-4.

No segundo, Bruno e Pavic foram sólidos na devolução e ameaçaram o serviço de seus adversários em três games, quebrando em duas oportunidades e ganhando a parcial em 6/3. Com tudo igual, a partida foi para o match tie-break. Lá, a Melo e Kubot abriram 5-0 logo de cara e seguraram uma vantagem de dois mini-breaks até o fim, fechando em 10-5 e conquistando a primeira vitória após a pausa do tênis.

“Hoje foi uma bela estreia nossa. Acho que o jogo foi realmente muito bom. Tanto a nossa dupla como a do Bruno e do Pavic jogaram muito bem. E acabou indo para o match tie-break. Poder voltar assim em alto nível já desde o primeiro jogo deixa a gente muito feliz”, afirmou Marcelo, contente com o desempenho. “Agora é continuar nesse ritmo. Jogar bem depois de tanto tempo parado dá mais confiança ainda para nós. Fizemos bons treinos aqui, conseguimos colocar em prática. Então é seguir firme no torneio e quem sabe podemos passar mais uma rodada para frente”, completou.

Apesar da derrota, Soares ficou satisfeito com o desempenho. “Foi um bom jogo, considerando as nossas condições, de tanto tempo sem jogar e foi decidido nos detalhes. Perdemos no tie-break. Um foi no primeiro set, depois jogamos muito bem o segundo e no match tie-break eles sacaram muito bem e não deram muita chance pra gente”, analisou o mineiro.

Esta foi a segunda vez que as atuais parcerias de Marcelo Melo e Bruno Soares se enfrentaram no circuito. A primeira foi na final do Masters 1000 de Xangai, no ano passado, na qual Soares e Pavic levaram a melhor. Na próxima rodada, que será disputada já nesta terça-feira, Melo e Kubot enfrentarão os norte-americanos Steve Johnson e Austin Krajicek.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s