Bruno Soares e Jamie Murray estrearam com vitória na Austrália. Retomando a vitoriosa parceria após um ano e meio, a dupla superou os espanhóis Pablo Andújar e Pedro Martínez em 7/6(4) e 6/3 para avançar às quartas do ATP 250 de Melbourne 1. Agora, a dupla aguarda os vencedores da partida entre Bublik/Golubev e Kecmanovic/Khachanov.

“Foi um jogo duro. Eles jogaram muito bem, mas nós jogamos melhor nos pontos importantes. Conseguimos recuperar bem o nosso entrosamento durante todos esses dias de treino, e agora é pegar ritmo de jogo, já que faz 2 ou 3 meses que estamos sem competir. Temos que seguir firmes. Precisamos fazer a maior quantidade de jogos possível para chegar bem no Australian Open e jogar o nosso melhor”, explicou Soares, motivado para o primeiro Grand Slam do ano.

Esta foi a primeira partida de Bruno e Murray desde a edição de 2019 de Roland Garros, quando os tenistas encerraram a parceria. O mineiro, então, disputou o restante do ano e a temporada de 2020 ao lado do croata Mate Pavic, com quem conquistou os títulos do US Open e do Masters 1000 de Xangai. Juntos, Bruno e Murray foram campeões em 10 torneios, incluindo o Australian Open e o US Open, ambos em 2016.

Quem também retomou uma antiga parceria e estreou com vitória foi Marcelo Demoliner. Voltando a jogar ao lado do mexicano Santiago Gonzalez, o gaúcho avançou no ATP 250 de Melbourne 2 ao derrotar os anfitriões James Duckworth e Marc Polmans em 6/4 e 6/2. Na próxima rodada, a dupla, que disputou alguns torneios em 2018 e faturou o título no ATP 250 de Antalya daquele mesmo ano, aguarda os vencedores de Ram/Salisbury x Norrie/O’Mara.

Já Marcelo Melo, que estrearia em Melbourne no fim desta quarta-feira, terá que esperar. Após a descoberta de um caso positivo de coronavírus entre os funcionários do Grand Hyatt, hotel que recebeu muitos jogadores, árbitros e trabalhadores durante a quarentena obrigatória, os jogos de todos os torneios foram suspensos. Mais de 500 pessoas foram colocadas novamente em quarentena para que todos sejam testados. O mineiro e seu parceiro na gira australiana, o romeno Horia Tecau, aguardam a decisão do governo local em relação aos jogos para enfrentar os norte-americanos Nicholas Monroe e Frances Tiafoe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s