Cinco anos foi o tempo em que Filip Polasek permaneceu aposentado. A história, que o eslovaco contou em um episódio de ATP Uncovered alguns anos atrás, parece surreal. Em 2013, figurando na 54ª posição e dono de 11 títulos de ATP 250, Polasek decidiu se ausentar das quadras por não conseguir lidar com as consequências que uma lesão estava lhe causando. Um problema em um dos nervos da coluna fazia com que o tenista perdesse o controle de sua perna esquerda, o que o impossibilitava de jogar 100% e que também o deixava sentindo muitas dores após qualquer atividade física. Sua última partida foi no challenger de Bratislava, no seu país natal, no fim daquele ano.

A pausa de Polasek em 2013 era para ter sido momentânea. O tenista estava sentindo muitas dores e decidiu tirar um tempo para descansar o seu corpo. O tempo passou, as dores continuaram, e Filip, então, pendurou a raquete definitivamente para abrir uma academia de tênis para crianças e adolescentes em seu país. O problema, porém, é que até mesmo dar aulas causavam um incômodo em seu corpo, deixando-o limitado a ser professor de crianças pequenas e sem poder fazer qualquer atividade física.

Anos depois e já estabelecido em sua academia, o até então ex-número 20 do mundo recebeu alguns convites de amigos para participar dos tradicionais torneios interclubes da Europa. Pensativo e um pouco resistente, o eslovaco acabou cedendo e aceitou participar das competições. Naquela mesma época, Mike Bryan, que estava passeando na Eslováquia com a sua namorada, decidiu treinar no clube de Filip, para a surpresa do eslovaco. O norte-americano notou que o tenista estava batendo muito bem na bola e o elogiou, o que deixou Polasek com uma pulga atrás da orelha.

Percebendo que não estava sentindo dores, o tenista decidiu tentar voltar e aceitou um convite na chave do challenger de Poprad Tatry, na Eslováquia, em junho de 2018. Quase cinco anos após a sua última partida, Polasek recomeçou a carreira e foi disputar torneios do nível future e challenger, precisando de apenas dez competições para retornar ao top 200. Filip, então, continuou subindo no ranking e voltou a defender a Eslováquia na Copa Davis, no início de 2019, derrotando os canadenses Auger-Aliassime e Shapovalov ao lado de Martin Klizan.

Logo após Roland Garros 2019, Ivan Dodig desfez a sua parceria com o francês Edouard Roger-Vasselin e estava em busca de um novo companheiro. O croata já conhecia Polasek de outros anos e decidiu mandar uma mensagem para o eslovaco, perguntando se ele gostaria de tentar uma parceria. Filip ficou surpreso, já que havia acabado de entrar no top 100 e um tenista como Dodig, na época 39 do mundo e campeão de Grand Slam, estava interessado em tê-lo como parceiro. O tenista aceitou o convite e a dupla disputou o seu primeiro torneio no ATP 250 de Antalya, na Turquia, em junho daquele ano. Esta foi a primeira competição do nível ATP de Polasek desde o seu retorno, apenas um ano após a retomada, e no qual ele e Dodig foram vice-campeões.

No evento seguinte, em Wimbledon, Filip e Ivan fizeram semifinal logo de cara. O primeiro título não tardou e chegou no quarto torneio em que disputaram juntos, no Masters 1000 de Cincinnati. Naquele ano, Polasek também foi campeão do ATP 250 de Kitzbuhel, com o austríaco Philipp Oswald, e no ATP 500 de Pequim, com Dodig. O grande desempenho recompensou a dupla, que com apenas quatro meses de parceria se classificou para o ATP Finals, o torneio que reúne as oito melhores duplas da temporada.

Pouco mais de dois anos após o seu retorno, Polasek construiu uma nova carreira do zero. Melhor do que na sua primeira passagem, o tenista atingiu a 7ª colocação no ranking em um circuito mais desafiador e praticando um tênis completamente diferente do que jogava anteriormente. Antes aposentado aos 28 anos, hoje, aos 35 anos, o eslovaco se vê entre os melhores tenistas do mundo e vai abrindo novos horizontes. O que parecia um fim para Polasek, na verdade, foi um recomeço. Chegando em sua primeira final de Grand Slam, o eslovaco pode afirmar que esta, sim, é a versão completa do seu tênis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s