Bruno Soares e Jamie Murray se despediram de Miami. Neste domingo, a dupla deu adeus ao Masters 1000 da Flórida após serem superados pelos britânicos Daniel Evan e Neal Skupski em dois sets a um, com parciais de 5/7, 7/6(4) e 10-7, nas oitavas de final.

“Foi um jogo duro que escapou. Dominamos boa parte da partida, mas acabamos deixando escapar dois tie-breaks no final. A minha história em Miami volta a se repetir, é sempre esse tipo de jogo que a gente acaba perdendo aqui, paciência”, disse o mineiro, lamentando a derrota.

“Não voltarei para casa agora. Infelizmente a situação do Brasil está muito complicada, então vou ficar treinando por aqui em Miami até a semana de Monte Carlo. Temos que aguardar essa situação de liberação de entrada na Europa melhorar, porque quando saímos diretamente do Brasil são pouquíssimos os países em que podemos entrar. Então, pra não correr esse risco de ser barrado, vou permanecer aqui”, finalizou Bruno.

Agora a dupla parte para a gira de saibro europeia. Com início no dia 11 de abril, o Masters 1000 de Monte Carlo será o pontapé da dupla na Europa, que depois pretende seguir para o ATP 500 de Barcelona e os Masters 1000 de Madri e Roma, todos parte da preparação para Roland Garros. Bruno é o atual vice-campeão do Grand Slam francês, no qual disputou a final com o croata Mate Pavic, seu parceiro da última temporada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s